Cromeu
Roda de sonhos
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

O amor não dá limites aos sonhos     
 
O que importa é a delicadeza
da lucidez  chegada ao coração
acho que o trovão não trouxe raios.
 
O amor preso não abre os pensamentos
claro, que a essa encoberta insegurança
chega ao ciúme que fere, arde, contorce
desabriga, isca, no coração planta saudade.
 
Tenho a saudade aquecida pela sede
 por isso, nas minhas viagens de amor
as estrelas iluminadas cedem ao chão.
 
Aniquila levante de acesso ao coração
se solta aos sonhos quentes da madrugada
isso acontece, porque o amor anda no interior
não dá limites aos sonhos nos pensamentos.     

 
Cromeu
Enviado por Cromeu em 05/01/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras