Cromeu
Roda de sonhos
CapaCapa
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

Vale o sentir do sorriso no interior
 
Não sei o porquê da fuga
Da demora do silencio viciado
Parece que por aí tudo é fechado.
 
Que o céu desaparecera
Que as estrelas pararam
De sorrir, brincar, navegar
Que o sol nem sabe o que é dia.
 
Há momento no tempo que penso copioso
Necessito de um amor forte, bem quente
Uma paixão, nada que não seja sossego
Para isso não ser somente saudade
Que machuca nua, crua, o coração.
 
Há certas horas insistentes na vida
onde tudo que quero por perto, é sonhar
com a saudade me chamando de amor.
 
Vale o sentir do sorriso no interior
Não importa se no extermínio, esbagoa
Ou se estraçalha, por demais, o coração.
Cromeu
Enviado por Cromeu em 04/06/2016
Copyright © 2016. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras